Duas Práticas Físicas Que Melhora Sua Saúde

Quem pratica atividade física, dorme mais rápido, consegue relaxar e descansa, tem um sono mais profundo, menos fragmentado e de qualidade, se sente disposto, se concentra com maior facilidade possuindo melhor rendimento, emagrece e obtém melhora na qualidade do sono e, consequentemente, na qualidade de vida.

Por todos esses motivos, escrevo neste artigo Duas Práticas Físicas Que Melhoram Sua Saúde: Caminhada e Yoga.




Caminhada

É cada vez maior o número de pessoas que lotam as ruas, praças, parques, clubes e academias, para praticar esta atividade que além de fácil e gostosa, é barata e faz bem.

Adianto que este não é o primeiro artigo sobre caminhada no blog Viver em Jejum. Outro artigo foi escrito sobre este assunto. Saiba Mais em: A caminhada é a mais emagrecedora das atividades físicas

Sem praticamente nenhuma contra- indicação, a caminhada melhora a condição cardiorrespiratória, ajuda na perda ou manutenção do peso corporal, fortalece vários grupos musculares como quadríceps, flexores do quadril, abdome, glúteos, panturrilhas entre outros.

Também fortalece e melhora o trabalho de vários sistemas do corpo como o digestivo, o imunológico, o nervoso, o músculo esquelético, o cardiovascular, e o sistema respiratório.

A Caminhada propicia o bem-estar físico e emocional, estimula a circulação sanguínea e facilita o transporte de oxigênio, reduz e muito o risco de doenças cardíacas, Diabetes, Osteoporose, baixa a taxa de colesterol (ruim), baixa a pressão sanguínea e combate a depressão e o estresse, entre muitos outros benefícios.


Leia Também: Jejum Intermitente e seus Benefícios


Treino sugerido para Caminhada:

  • 1° semana 30 minutos, 3 vezes por semana.
  • 2° semana 35 minutos, 4 vezes por semana.
  • 3° semana 40 minutos, 4 vezes por semana.
  • 4° semana 45 minutos, 5 vezes por semana.
  • 5° semana 40 minutos, 5 vezes por semana.
  • 6° semana 45 minutos, 5 vezes por semana.
  • 7° semana 50 minutos, 5 vezes por semana.
  • 8° semana 50 minutos, 6 vezes por semana.

Veremos abaixo algumas dicas importantes de como caminhar corretamente:

# Use roupas confortáveis nas caminhadas;

# Escolha um tênis adequado para caminhadas, com solado flexível e sistema de amortecedor em toda a sola;

# Use meias para evitar bolhas;

# Caminhe em lugares onde não há muito trânsito, para evitar acidentes, bem como paradas constantes e a concentração de poluentes no ar;

# Fuja dos horários de sol intenso, mesmo assim passe um filtro solar;

# Inicie a passada com o calcanhar, depois apóie a planta do pé e por último os dedos;

# Flexione os braços a 90° e inicie o movimento a partir dos ombros; Mantenha os ombros em linha reta, evitando cruzar os braços na frente do corpo;

# Não dê passadas muito largas;

# Não caminhe com a cabeça abaixada para não adquirir vício postural;

# Mantenha o tronco reto;

# Se você sentir dor nas canelas diminua o ritmo e evite subir ladeiras;

# Hidrate o corpo, bebendo água antes, durante e depois das caminhadas;

# Você poderá ouvir música, para incentivar e alegrar o exercício, mas somente se caminhar em lugares onde não haja trânsito;

# Faça alongamentos antes e depois das caminhadas;

# Faça caminhada regularmente;

# Insista na dieta alimentar e nos exercícios. Você se sentirá muito bem, saudável e bonita!


Leia Também: Saladas: uma aliada na perda de peso


Yoga

O nome desse estilo de Yoga é composto de Ha que significa Sol e Tha que quer dizer Lua. Juntos, são a harmonização do prana (energia vital) solar com o prana lunar. Isso traz um grande equilíbrio interior de mente e corpo ao praticante, com resultados benéficos ao organismo, à mente e à sua essência interior.

Indicado para iniciantes e praticantes. Homens e mulheres de todas as idades que buscam o autoconhecimento queiram aprender a respirar de uma forma correta, conquistar um alinhamento da coluna vertebral, aumentar a flexibilidade do corpo, o equilíbrio, melhorar a concentração e ganhar tônus muscular.

Benefícios com as aulas de Yoga

São muitos os benefícios oferecidos com as aulas de Yoga (Ioga). Especialistas fizeram um ensaio controlado randomizado de yoga e exercício na esclerose múltipla e comprovaram os efeitos positivos desta atividade no humor e qualidade de vida na esclerose múltipla.

Muitas outras vantagens acontece no organismo com a prática da yoga, são elas:

# Melhora do tônus muscular

# Aumento na capacidade de concentração e autoconhecimento

# Melhora a respiração

# Aumento da coordenação motora e consciência corporal

# Aumento da flexibilidade e vitalidade corporal

Enquanto estiver fazendo os exercícios, esqueça seus problemas e concentre-se totalmente no que está fazendo.

Se ficar disperso, poderá fazer o exercício de maneira errada, o que poderá causar alguma lesão. Uma dica é se concentrar no tic tac de um relógio. Permaneça atento!




Inicialmente respire 7 vezes em cada postura.

À medida que ficar confortável vá aumentando até chegar a 20 respirações em cada postura.

Não ultrapasse esse limite. Quanto maior o número de respirações por exercício, mais intenso é o trabalho e mais difícil também. Respire de forma o mais lenta e tranquila possível. Mantendo a postura, busque relaxar o maior número possível de músculos. Para isso respire.


Leia Também: Não consegue emagrecer? Procure ajuda profissional


Exercícios de Relaxamento da Yoga

EXERCÍCIO 1 – RESPIRAÇÃO ABDOMINAL

Vamos exercitar a respiração, abdominal ou baixo-ventre.

Deite-se de barriga para cima, com os joelhos dobrados, as palmas das mãos sobre o seu baixo-ventre (um pouco abaixo do umbigo) e os olhos fechados. Observe a sua respiração nesta área. Observe que, enquanto inspira seu abdômen se expande e enquanto exala o abdômen se contrai.

Faça 7 respirações concentrado nesta região, observando o movimento do seu abdômen.

Benefícios:

Esta respiração é tranqüilizante e restaurativa, indicada para quem possui sintomas de estresse.

Este Exercício também é recomendado para quem sente dores na coluna lombar.


Leia Também: Conheça algumas Razões para Abandonar o Trigo Definitivamente da sua Vida


EXERCÍCIO 2 – RESPIRAÇÃO INTERCOSTAL

Sente-se de pernas cruzadas, coloque suas mãos sobre suas costelas e feche os olhos.

Observe sua respiração nesta região. Observe que, enquanto inspira as costelas se movimentam aumentando o tamanho da sua caixa torácica e enquanto exala-as retornam à posição inicial diminuindo o tamanho de sua caixa torácica.

Faça 7 respirações concentrado nesta região, observando o movimento das costelas.

Benefícios:

Este tipo de Exercício permite que você desenvolva uma maior capacidade respiratória, à medida que começa a trabalhar mais a musculatura intercostal.

EXERCÍCIO 3 – RESPIRAÇÃO SUBCLAVICULAR

Continue sentada com a coluna ereta e olhos fechados, como no Exercício anterior.

Coloque suas mãos sobre os ombros. Ao inspirar, levante os cotovelos e ao exalar abaixe seus cotovelos. Perceba que, quando termina de inspirar, seu pulmão está totalmente cheio de ar.

Faça 7 respirações, concentrado neste movimento de entrada e saída de ar.

Benefícios:

Este tipo de respiração desenvolve a capacidade de utilizar totalmente o seu volume pulmonar, inalando a maior quantidade possível de oxigênio.


Leia Também: Água e seus benefícios


EXERCÍCIO 4 – RESPIRAÇÃO COMPLETA

Fique de pé, com os pés juntos, mãos em prece tocando o esterno e olhos fechados. Pense em unir os três tipos de respiração realizados anteriormente, assim inspire desde o baixo-ventre até encher totalmente seus pulmões de ar e, em seguida, exale lentamente até esvaziar totalmente seus pulmões. A respiração deve ser o mais natural, gentil e longa possível.

Faça 7 respirações completas, concentrada em todo o movimento de entrada e saída de ar.

– Benefícios:

Esse tipo de respiração oxigena todo o organismo, aumentando a quantidade de O2 no sangue. Produz grande relaxamento e tranqüilidade. Aumenta a capacidade pulmonar.




Sandra Santos

Sandra Santos é administradora, professora, blogueira. Está na blogosfera desde o ano de 2015 como conteudista. Gosta de escrever conteúdos relevantes e informações preciosas.

Website: http://sandrasantos.net/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *