Emagrecer para Evitar um Ataque Cardíaco

Existem alguns fatores de risco que, quando presentes, aumentam as chances de doença cardiovascular, infarto do miocárdio (ataque cardíaco) e derrame cerebral (acidente vascular cerebral).

Alguns desses fatores não têm como mudar: idade, sexo, história de doença cardíaca na família. Porém, existem outros que você pode mudar: fumo, alimentação inadequada, obesidade, falta de exercícios físicos, colesterol alterado, diabetes, pressão alta e estresse.




Cada alimento desempenha uma função em nosso organismo. Não existe alimento completo, e, por isso, precisamos comer diariamente uma variedade de alimentos e em quantidades adequadas.

Lembre que, tão importante quanto a qualidade dos alimentos, é a sua quantidade: pequenas quantidades de alimentos “proibidos” podem ser ingeridos de vez em quando, mas muito cuidado com a quantidade, mesmo dos alimentos “saudáveis”. Fuja das lanchonetes “fast food” e dos sanduíches gordurosos em qualquer lugar.

Exercícios Físicos Ajudam na Prevenção de Ataques Cardíacos

Praticar exercícios físicos regularmente reduz em 14% os riscos de um ataque cardíaco. Atividade física moderada é a atividade que produz suor, mas que, enquanto é realizada, a pessoa consegue conversar, frases curtas.


Leia Também: 05 Dicas de Ginástica em Casa


Não perca a oportunidade de subir escadas (evitar o elevador), andar (sem carro, ônibus ou metrô), trazer compras (não mandar entregar); brincar com crianças e passear com o cão. Atividades ao ar livre.

Os Males do Tabaco (Fumo)

Você sabia que o cigarro contém cerca de 4.720 substâncias químicas, e que pelo menos 60 delas são reconhecidamente cancerígenas além de irritantes e tóxicas para os pulmões? Quem fuma tem também 200% a mais de risco de ter um derrame!

Dicas para Ajudar Você a Parar de Fumar

Primeiro faça uma lista com todas as razões para você parar de fumar, marque uma data e prepare-se para enfrentar situações em que a vontade de fumar se fará presente observando as seguintes dicas:

  • Tenha como objetivo parar de fumar e não só diminuir o número de cigarros.
  • Evite tudo o que possa dar vontade de fumar, como café e bebidas alcoólicas.
  • Após as refeições, levante e deixe a mesa imediatamente.
  • Escove os dentes logo após as refeições.
  • Elimine objetos que possam lembrar o cigarro, como cinzeiros, isqueiro etc.
  • Tome cuidado para não engordar! Se tiver que comer ou beber “alguma coisa”, prefira frutas, água, bebidas sem açúcar, ou use goma de mascar “diet”.
  • Beba bastante água, a cada vez que sentir vontade de fumar.
  • Faça exercícios físicos: caminhada, natação, musculação, alongamento etc.



“Quero Emagrecer para Evitar Ataque Cardíaco”

Durante muitos anos, pesquisadores da Universidade Brown e de outros lugares reuniram informações de pessoas que haviam emagrecido uma média de 32 quilos e se mantido assim por aproximadamente seis anos e meio.

Eles criaram o National Weight Control Registry, que atualmente inclui dados de milhares de pessoas que conseguiram se manter magras.

O Registro Nacional de Controle de Peso (NWCR), estabelecido em 1994 por

Rena Wing, Ph.D. da Brown Medical School, e James O. Hill, Ph.D. da Universidade do Colorado, é a maior investigação prospectiva de longo prazo de manutenção de perda de peso bem sucedida.

Muitas haviam tentado emagrecer, várias vezes, antes de finalmente conseguirem atingir seu objetivo e se manter lá.


Leia Também: 8 Piores Alimentos Para o Emagrecimento


O que fez a diferença?

O que as ajudou, finalmente, a atingirem o emagrecimento definitivo?

Essas pessoas disseram aos pesquisadores que a sua tentativa final de emagrecer foi diferente porque tiveram incentivos mais poderosos para emagrecer e nunca os esqueceram.

Os incentivos variavam de pessoa para pessoa, mas a maioria deles se centrava em algum problema de saúde (“Eu quero emagrecer para evitar um ataque cardíaco”) ou um problema social (“Eu me divorciei recentemente e quero me sentir confiante para namorar novamente”).

Elas jamais perderam de vista essas razões, mesmo depois de terem atingido a sua meta. Ou seja, para terem sucesso, elas precisam se motivar continuamente.

Elas fazem isso lembrando-se, regularmente, das razões pelas quais emagrecer é tão importante para elas.

O NWCR está rastreando 10.000 indivíduos que perderam quantidades significativas de peso e o mantiveram fora por longos períodos de tempo.

Questionários detalhados e pesquisas anuais de acompanhamento são usados ​​para examinar as características comportamentais e psicológicas dos mantenedores de peso, bem como as estratégias que eles usam para manter suas perdas de peso.

Dicas para ter uma alimentação saudável e não engordar (aposto que você não sabia muita delas)

1 – Não pule refeições, principalmente de manhã! Se você comer muito pouco de manhã, o seu organismo vai reduzir o seu metabolismo, diminuindo o consumo de energia! Quando você come muito pouco pela manhã, você ENGORDA em vez de emagrecer! Mas coma corretamente!!!

2 – Muita gente acha que bolacha de água e sal e torradas não engordam, o que é um grande engano: 3 bolachas de água e sal ou um pão torrado têm as mesmas calorias que um pão francês médio.

3 – Quanto mais macia for a carne, mais gordura ela tem. Dê preferência às carnes de “segunda”, como músculo e patinho, que têm mais proteínas e menos gorduras, e são mais baratas!

4 – Retire a pele do frango antes de cozinhá-lo! Essa pele é rica em colesterol!!!

5 – Não reaproveite o óleo utilizado em frituras. Mesmo se for coado, esse óleo é um verdadeiro “veneno” para o organismo!!!

6 – Algumas pessoas acreditam que os alimentos “diet” ou “light” emagrecem. Não é verdade! Esses alimentos podem até engordar! Sendo assim não é viável consumir estes alimentos se sua intenção é perder peso.

Dicas sobre este assunto e outros assuntos que você gostaria de ler aqui no viver em jejum, favor comentar logo abaixo.




Sandra Santos

Sandra Santos é administradora, professora, blogueira. Está na blogosfera desde o ano de 2015 como conteudista. Gosta de escrever conteúdos relevantes e informações preciosas.

Website: http://sandrasantos.net/

1 Comentário

  1. Pingback: ADOECER NÃO É DIVERTIDO: Saiba como se prevenir - Viver em Jejum

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *